skip to Main Content
Contabilidade Para Dentistas: Entenda O Que Uma Pode Fazer Por Você Na Crise!

Contabilidade Para Dentistas: Entenda O Que Uma Pode Fazer Por Você Na Crise!

Contabilidade para dentistas: retração do mercado, sensibilidade financeira e alguns outros sintomas de falência aos quais você precisa estar atento(a).

Assim como seus pacientes procuram por você em momentos de dor e aflição causados por problemas dentários, é necessário que você busque por especialistas quando os sintomas da falência batem à sua porta – como agora, por exemplo!

Por mais incrível que possa parecer, nossas profissões têm uma ligação muito significativa entre si, principalmente em relação às recomendações do tipo “não faça autodiagnósticos”.

Enquanto você salva pacientes de problemas dentários que – nos piores casos – podem até mesmo matar, nós salvamos a sua empresa da morte financeira que espera por ela a cada nova queda do mercado.

Pode parecer uma semelhança distante, mas estar vivo é importante tanto fisicamente quanto financeiramente. Afinal de contas, sem gestão financeira de qualidade, seu consultório não se mantém.

Portanto, doutor(a), hoje falaremos especificamente sobre algumas das formas como a contabilidade para dentistas pode curar os seus males e garantir uma vida próspera, sem dor ou sofrimento.

Boa leitura!
Ram Gif Chega De Perder Tempo Com Uma Gestao Financeira Manual - Ram Assessoria Contábil

Contabilidade Para Dentistas: A Cura De Uma Cárie Antes Que Seja Necessário Fazer Uma Remoção

A relação entre a contabilidade para dentistas e a profissão de odontólogo é muito mais que uma simples metáfora. 

Considere, por exemplo, um paciente que sofre de dores de dente há anos e nunca procurou saber o verdadeiro motivo dos seus males… quando a intensidade da dor aumenta a um ponto insuportável, ele decide procurar ajuda e, pasmem, descobre que se tratava de um problema de fácil resolução, uma simples cárie. 

Esse é um exemplo muito simples, mas que ilustra bem tanto a importância da sua profissão quanto o valor da contabilidade para dentistas. Afinal, cáries também acometem consultórios odontológicos. 

Elas se apresentam como simples problemas que, ao longo do tempo são “empurrados com a barriga”, gerando males muito maiores do que se poderia imaginar. 

Em suma, é simples compreender que o paciente do nosso exemplo não teve uma piora considerável no seu caso, mas você sabe muito bem que isso é exceção e não regra. 

A grande verdade é que, normalmente, a evolução do quadro de piora é rápida e pode até, mesmo que raramente, acometer outras áreas do corpo, como o coração, levando à morte do indivíduo. 

Ou seja, o seu consultório pode, por um problema simples, estar passando por um período de piora que acomete órgãos de extrema importância, como o coração financeiro.

Nós sabemos que você é um(a) especialista, mas… o que você sabe sobre nós e nossa profissão?

Deixando um pouco de lado as comparações e metáforas, chegou a hora de compreender algumas das formas como podemos ajudar você, durante este período de doença financeira mundial, chamado “crise”. 

Tendo em vista o fato de que as recessões acabam, em geral, gerando o enfraquecimento financeiro de nações e empresas, é extremamente importante encontrar formas de diminuir os seus custos de atuação. Afinal, quanto mais dinheiro houver em caixa, no seu capital de giro e na sua reserva emergencial, maiores serão as chances de superar este obstáculo.

Então, veja abaixo duas maneiras simples que vão garantir a diminuição de gastos que, muitas vezes, podem, até mesmo, ser desnecessários. 

Planejamento financeiro

Considerado como o tendão de Aquiles da grande maioria das corporações, o planejamento financeiro é um dos grandes focos da contabilidade para dentistas, uma vez que propicia a diminuição de custos e a saúde financeira.

Sendo assim, para que seja possível efetivar essa ferramenta e obter dela os melhores resultados, serão consideradas questões pontuais, levando em conta o momento atual, a fim de gerar maiores possibilidades de crescimento. 

Visto isso, consideramos, primordialmente, questões como: 

  • Ponto de equilíbrio financeiro;
  • Gestão de contas a pagar e receber;
  • Controle de estoque;
  • Gestão de custos;
  • Capital de giro;
  • Gestão de inadimplência (interno e externo);
  • Pró-labore.

Dessa maneira, considerando todos estes pontos, torna-se mais simples compreender a real situação da sua clínica e, dessa forma, efetivar um planejamento financeiro claro e adequado à contabilidade para dentistas, gerando a diminuição de custos, compras desnecessárias, retiradas incompatíveis e outras questões que impactam diretamente no setor financeiro e o adoecem.  

Planejamento Tributário

O planejamento tributário é outro ponto da contabilidade para dentistas que, em suma, causa estranhamento à grande maioria dos empreendedores. Afinal, “eu não posso escolher o regime tributário que melhor se encaixa à minha visão empresarial?”

Bom, tenha em mente a seguinte pergunta: 

“Eu não entendo questões biológicas tanto quanto alguém que as tenha estudado durante anos. Posso receitar um remédio que acho válido para uma determinada dor?”

A resposta para ela é óbvia, uma vez que existem três problemas principais: 

  • 1 – estou sendo inconsequente ao receitar algo o qual não sei os efeitos;
  • 2 – posso estar condenando uma pessoa à morte ou a reações adversas que podem gerar maiores problemas;
  • 3 – estou cometendo um crime. 

Portanto, assim como no caso apresentado, o planejamento tributário feito por quem conhece a fundo as questões fiscais e tributárias se encaixa nos problemas 1 e 2, tendo em vista que não se conhece o resultado final da decisão e, é claro, que a tomada de decisão errada pode levar um consultório à morte financeira, fiscal e tributária ou ocasionar multas altíssimas e desnecessárias. 

Sendo assim, com o correto planejamento tributário, se torna simples compreender, através de análise minuciosa da sua realidade, o melhor regime ao qual o seu consultório deverá se enquadrar, possibilitando – mesmo após a sua decisão inicial – a redução de custos tributários e a economia que você sempre procurou.

Conclusão

É fato que estamos passando por um momento complicado e histórico que vai deixar suas marcas ao longo do tempo. Contudo, mesmo os piores estigmas não precisam ser eternos ou atingir a todos os envolvidos na situação em questão. 

A contabilidade para dentistas pode fazer por você o mesmo que faz por seus pacientes: proporcionar segurança e comodidade, além de eximir o sofrimento de perder algo necessário. 

Seus investimentos foram, provavelmente, feitos ao longo de uma vida inteira e não existe a menor possibilidade de se dar ao “luxo” de perder isso agora. 

Você precisa de proteção e a atuação do seu consultório precisa perpetuar ao longo desta crise! 

Então, caso precise de auxílio, procure por especialistas em contabilidade para dentistas. Nós podemos te ajudar a se manter firme mesmo enquanto o barco balança. 

Entre em contato conosco e nossos especialistas abraçarão a sua causa até que ela seja vencida.

Estamos esperando por você.

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Ram Assessoria Contábil?

Somos uma Contabilidade em Belém – PA, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @ramassessoriacontabil

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Summary
Contabilidade Para Dentistas: Entenda O Que Uma Pode Fazer Por Você Na Crise!
Article Name
Contabilidade Para Dentistas: Entenda O Que Uma Pode Fazer Por Você Na Crise!
Description
Contabilidade para dentistas: retração do mercado, sensibilidade financeira e alguns outros sintomas de falência aos quais você precisa estar atento(a).
Author
Publisher Name
Ram
Publisher Logo
Recomendado só para você!
Para cada contribuinte, existe um porque de não declarar IRPF,…
Back To Top